Pesquisar por

Até quando teremos babacas brincando de serem homens e mulheres feridas?

Essa semana mais uma polêmica surgiu envolvendo a mulher e, como sabem, meu site é voltado para vocês e nada melhor do que imprimir aqui minha opinião a respeito desses fatos que, na minha opinião são extremamente dantescos. Uma palavra forte para um ato de ignorância arquitetada por alguém que acha que tem o mundo na palma de suas mãos. Infelizmente, alguns homens se acham donos do mundo. Infelizmente.

O fato que estou prestes a relatar, provavelmente todos já sabem, envolve nada mais nada menos que um dos grandes atores globais, um homem de talento que traz em seu curriculum personagens que se tornaram imortais devido ao seu profissionalismo, afinal de contas, quem não se lembra do Osná de Tieta? Um dos homens mais papadores e desejados dessa novela que foi ao ar alguns anos atrás? Pois é, pelo jeito o José Mayer adora viver suas personagens na vida real.

Caso você não saiba o que está acontecendo, vou resumir rapidinho. O Zé Mayer, talvez por ser quem é, acabou assediando uma das figurinistas de um de seus trabalhos. Essa figurinista, não curtiu muito a maneira que um dos grandes astros de a Presença de Anita a abordou e, além daquelas cantadas básicas e promessas de comer e elogios ao corpo da garota, ainda lhe meteu a mão onde não devia. E enquanto o belo exemplar globalizado estava apenas nas palavras, a garota apenas fugia até o momento que ele utilizou suas mãos.

Bom, todo mundo conhece o José Mayer e com certeza, quem não conhecer, vai acabar conhecendo por causa desse fato. Esse tipo de absurdo aconteceu com aquele tal de MC Biel que acabou dando um fora terrível com uma jornalista, dizendo que queria estupra-la… Pois é, tem homens que, só por que fazem um sucesso se acham os maravilhosos deuses, homens que possuem o direito de querer uma mulher e simplesmente toma-la sem o consentimento… Absurdo, pessoas tão estudadas e vívidas agirem como primatas… Quer dizer, até os primatas sabem chegar nas suas fêmeas, na verdade, até os cachorros sabem com aquela cheiradinha básica…

Agora, o ser humano, dotado de cérebro, de pensamento, de sorrisos e gentilezas preferem chegar em uma mulher como se existisse para satisfazê-lo… Que absurdo! É como aquele bando de sem noção que fica encoxando as mulheres nos coletivos… Poxa, além da mulher ter que sair de casa para ganhar seu próprio dinheiro para o homem não ficar pesando em seus gastos, ainda tem que aguentar esse tipo de pessoa se aproveitando das circunstâncias… Um verdadeiro absurdo. Será que esse tipo de homem não sabe como chegar em uma mulher decentemente? Cortejá-la de maneira honrosa e respeitadora?

E sabe o que é pior? Não vivemos mais no tempo das cavernas e muito menos na idade média, onde a mulher não tinha direitos, apenas deveres, onde eram forçadas a se deitarem com seus maridos ainda com o perfume de suas amantes, presas no lar, tendo como obrigação a educação dos filhos e manter tudo em ordem… Tudo bem que essa parte de ordem não mudou muito nos dias de hoje, a mulher que sai para trabalhar ainda tem que cuidar dos filhos, da casa, ou seja, além desse tipo de homem para assediá-las ainda precisam manter todos os afazeres perfeitos… E alguns ainda as chamam de chatas… Digo uma coisa para esse tipo de homem: vai ser mulher por um dia para ver como é bom… Com certeza você vai dizer: hoje não amor, estou com dor de cabeça…

Eu particularmente acho que esse tipo de homem, que acha que a mulher deve servi-lo no momento que deseja e mesmo contra sua vontade é uma pessoa extremamente babaca para dizer o termo mais condizente com a situação, para ser franco, isso nem deve ser chamado de homem, pois alguns homens são muito mais do que oportunistas, muito mais do que abusadores de poder e de suas influências e, infelizmente isso é um efeito colateral daqueles que estão no poder, veja a política sempre fodendo o povo de todas as maneiras. E é exatamente por isso que posso citar o assédio moral além do sexual, o sexual é invasivo o moral é ofensivo, mas ambos misturados são farinhas do mesmo saco.

Às vezes me pergunto até quando a humanidade vai continuar com esse pensamento ridículo em plena era da informática? Gente do céu, estamos todos conectados, o mundo é online, uma baita tecnologia digna daqueles filmes científicos e ainda existem homens que abusam de sua força para forçar uma mulher a fazer o que ela não quer? Será que essas pessoas esquecem que suas mães tem a mesma coisa que as mulheres que assediam tem? É uma falta de respeito até mesmo com a própria porta que lhe trouxe ao mundo… Se esse tipo de coisa será extinguida como o respeito… Sinceramente eu não sei e talvez seja por isso que muitas religiões acham que o mundo vai acabar… Isso só pode ser o apocalipse do absurdo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *